Header Ads

Pesquisa aponta que 77% dos infieis acredita que o uso de máscara torna relações extraconjugais mais seguras

 Além disso, segundo estudo feito pelo Gleeden, 34% dos entrevistados gostaria que o uso obrigatório do equipamento continuasse

AMANHECER DA NOTICIAS

Desde o início da pandemia, muitas regras foram impostas para tentar impedir a propagação do vírus. A mais difundida foi o uso obrigatório da máscara em espaços públicos, mesmo ao ar livre.


Enquanto alguns se levantam contra essa medida, acreditando que essa obrigação ameaça a liberdade pessoal, outros, pelo contrário, agradecem em segredo. É exatamente isso o que revela a última pesquisa* feita pelo Gleeden, plataforma de encontros extraconjugais líder mundial feita por e para mulheres, realizado com mais de 3.600 usuários. Confira os resultados abaixo.


A máscara como aliada perfeita


Além de fornecer proteção contra a propagação do Covid-19, o uso de máscara também oferece a capacidade de andar despercebido pela rua. Na verdade, de acordo com um estudo recente do Vision Research Centre da University of York em Toronto publicado pelo New York Times, a máscara dificulta muito a capacidade de reconhecer rostos e, às vezes, é até impossível identificá-los.


Mesmo para a maioria dos fisionomistas, esse pequeno pedaço de pano que camufla metade do rosto já é o bastante para confundi-los, o que torna o material perfeito para realizar encontros com total discrição.


E os infiéis compreenderam as vantagens de ter o rosto meio coberto. Na verdade, de acordo com a última pesquisa do Gleeden, 77% dos entrevistados admitiram que usar uma máscara tornava seus encontros extraconjugais mais fáceis. E, para 72% deles, o principal motivo é justamente a oportunidade de se moverem discretamente, irreconhecíveis.


Para 57%, é mais fácil encontrar o amante em um lugar público desde que o uso da máscara se tornou obrigatório; e 51% até se atrevem a marcar um encontro perto do local de trabalho, contra 32% que o faz perto de casa. Não é à toa que os infiéis acham este regulamento maravilhoso. Na verdade, 34% dos entrevistados chegam a admitir que gostariam de ver a obrigação de usar máscara estendida no próximo ano!


E, infelizmente, seus desejos provavelmente se tornarão realidade…


*Pesquisa online feita de 21 a 29 de outubro de 2020, com 3.600 usuários.


Sobre o Gleeden


O Gleeden é o site nº 1 para encontros extraconjugais projetado por e para mulheres. Foi criado na França em 2009 e, atualmente, tem representação em outros países como Itália, Espanha, Índia, e na Região da América Latina, e mais de 7 milhões de usuários.


O objetivo do site é responder às necessidades do público feminino, graças a funcionalidades específicas para elas. O Gleeden.com empodera as mulheres mais liberais que desejam ter casos extraconjugais com total discrição.

ROYAL CANIN VIABILIZA ARTE GIGANTE NA CIDADE DE SÃO PAULO PARA CONSCIENTIZAR SOBRE A SAÚDE DOS FELINOS

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.