Header Ads

Nilfisk lança Liberty SC50 no Aeroporto Internacional de Viracopos

 Semelhante a um robô, o equipamento lava e seca grandes áreas de piso sem a necessidade do operador e é uma das sensações da indústria 4.0


AMANHECER DA NOTICIAS

Com faturamento global de aproximadamente um bilhão de Euros, a Nilfisk lança no Brasil a Liberty SC50, sua primeira lavadora e secadora autônoma de piso, totalmente alinhada às necessidades da Indústria 4.0. A apresentação oficial do equipamento acontece na quarta-feira (09/09), no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), e tem a parceria da Concessionária Aeroportos Brasil Viracoposo e do Grupo Verzani & Sandrini uma das empresas líderes na terceirização dos serviços de manutenção, limpeza, portaria e segurança de grandes empresas. "Esta máquina é indicada para áreas maiores que 3.000² até 7.000 m² e uma das grandes vantagens é que ela libera o profissional para realizar outras tarefas, e deixa o trabalho repetitivo de lavar e secar o piso para a tecnologia autônoma", conta o Gerente Nacional de Vendas da Nilfisk no Brasil, André Stopiglia.


André conta que, em termos de referência, uma pessoa com um esfregão consegue limpar em média 70m² por hora. Uma lavadora convencional com operador empurrando lava 800 m² por hora. Já a Liberty SC50 lava e seca em média 1.800 m² por hora de forma autônoma. "Claro que estas produtividades dependem de fatores como obstáculos e tráfego de pessoas e veículos", pondera.


O local da apresentação do equipamento foi escolhido por possuir grandes áreas e proporcionar um rápido processo de lavagem e limpeza do piso, mesmo funcionando 24 horas por dia, com fluxo constante de passageiros. O diretor de Operações, da Concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, Marcelo Mota, disse que essa nova tecnologia vem a somar aos investimentos que a empresa está fazendo para diminuir os riscos de contaminação do novo Coronavírus, que tornou as exigências de limpeza e desinfecção ainda maiores e o serviço automatizado é feito de forma rápida e segura.


"Desde março, Viracopos vem adotando uma série medidas para reforçar o combate ao contágio pela Covid-19. Ações como ampla higienização, avisos sonoros, sinalização de distanciamento, medição de temperatura e desinfecção constante, se somam a mais esta ação de limpeza por meio de uma lavadora e secadora autônoma de piso", disse Mota.


A nova lavadora e secadora Nilfisk Liberty SC50 funciona de forma autônoma após a primeira programação, e sua bateria permite trabalhar por ciclos de até seis horas de uso. Ela é indicada para aeroportos, supermercados, hospitais, shoppings, ginásio esportivo e indústria, de uma forma geral. "Acreditamos que teremos uma procura maior por locação da Liberty, pois assim não será necessário investir no equipamento", adianta André Stopiglia. A empresa que quiser adquirir a Liberty SC50 terá um contrato de manutenção mensal completo, dada a tecnologia usada no equipamento.


Futuro: equipamentos autônomos


Sendo um dos maiores players do mundo na fabricação de equipamentos de limpeza, a Nilfisk inaugurou no Brasil a sua plataforma de produtos autônomos com o lançamento da Liberty SC50. Globalmente, a empresa entende que deve liderar a limpeza inteligente, investindo tempo e dinheiro em soluções tecnológicas que beneficiem as operações de limpeza necessárias do dia a dia. Seja com tecnologias robóticas ou aplicativos que facilitem a gestão em contratos de limpeza, oferecendo ao mercado produtos de qualidade e confiáveis para seus clientes. "Como empresa centenária e uma das principais líderes no segmento, temos a responsabilidade de trazer produtos que representam o futuro de nosso mercado. Entendemos que as pessoas não querem executar tarefas chatas e repetitivas, e o toque humano deve ser aplicado aos detalhes e ao que realmente importa", conta André.


A Lavadora e Secadora de pisos autônoma Liberty SC50 aparece como uma ferramenta adicional na limpeza diária de pisos, em grandes áreas, liberando tempo para que o administrador da máquina possa executar outros trabalhos durante a lavagem do piso. "Lembrando que a máquina ainda necessita de interferência humana para programá-la e controlar questões como abastecimento de água e descarte de detritos", reforça o Gerente.


Todo esse resultado é fruto do investimento global na ordem de 3% e 4% do faturamento em pesquisa e desenvolvimento da Nilfisk. A nova Liberty SC50 é fruto deste investimento em P&D. Isso faz com que a empresa, que tem capital aberto e ações na Bolsa da Dinamarca, tenha obtido um crescimento global médio orgânico no faturamento de aproximadamente 2% ao ano. No Brasil, a Nilfisk cresce nos últimos 4 anos a uma taxa média de 25% ao ano em faturamento, entendendo o Brasil como um mercado emergente e promissor para máquinas de limpeza profissional.


Confira as principais tecnologias automotivas para oficinas mecânicas

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.