Header Ads

Para onde os guarda-chuvas vão quando se perdem?

A ALD resolveu desvendar este mistério em março, um mês tradicionalmente mais chuvoso

        © jpg


POR AMANHECER DA NOTICIAS

De todos os objetos que se perdem pela região metropolitana de São Paulo, os guarda-chuvas estão no topo da lista. As pessoas os esquecem no transporte, no comércio, nos consultórios, em diversos lugares, pois é um item muito ligado à mobilidade.

Todo mundo que anda a pé, de transporte público ou privado, sempre traz consigo um, principalmente no mês de março, muito relacionado às chuvas e, que neste ano começaram antes e têm sido mais constantes e fortes.

Por esse motivo, a ALD, em uma ação de marketing inédita, resolveu mapear o comportamento das pessoas, verificando os locais que circulam pela cidade, por meio dos guarda-chuvas. Para isso, irá distribuir os objetos pela cidade. Uma iniciativa para, cada vez mais, desenvolver produtos e serviços que venham facilitar o dia a dia das pessoas, incorporando mais inovação, sustentabilidade e facilitando a mobilidade.

A ação - 18 e 19 de março

Nos dias 18 e 19 de março, a partir das 12 horas, serão realizadas três intervenções em espaços públicos da cidade (Vila Olímpia; no edifício Rocha Verá; e no MASP, na avenida Paulista), onde a equipe do CONTRAFLUXO (empresa parceira na ação) irá distribuir os guarda-chuvas para o público, de forma espontânea. Estes dois dias foram definidos previamente, porque há muita chance que esteja chovendo, segundo a meteorologia.

Os guarda-chuvas têm acoplado um sistema de GPS ativo que irá monitorar o trajeto de quem os portar por todos os lugares. Ao final do período de mapeamento, que durará cerca de 3 dias (de acordo com a vida útil das baterias dos dispositivos de localização), a ALD irá compilar os dados coletados para transformá-los em mapas temáticos, que irão contar qual a história secreta desses objetos e por onde eles passaram.



"A nossa intenção é proporcionar à população desprevenida um objeto muito presente na vida do paulistano, usado tanto para a proteção da chuva quanto do sol. Decidimos aproveitar esta especificidade do objeto para usá-lo como ferramenta de estudo da mobilidade em São Paulo", explica Thalita Arrans, gerente de Marketing da ALD Automotive no Brasil. "É uma forma criativa que encontramos para nos aproximar das pessoas e entender seu comportamento e, cada vez mais, oferecer soluções inovadoras que beneficiam o ir e vir de todos", completa a gerente.

Acompanhe pelo site: http://ald.aldautomotive.com/ALD_contrafluxo
Mais sobre ALD Automotive

A ALD Automotive é líder global em soluções de mobilidade, fornecendo serviços terceirização e gerenciamento de frotas em 43 países para uma base de clientes de grandes corporações, PMEs e profissionais. Líder em seu setor, a ALD Automotive coloca a mobilidade sustentável no centro de sua estratégia, oferecendo soluções de mobilidade inovadoras e serviços habilitados por tecnologia para seus clientes, ajudando-os a se concentrar em seus negócios diários.

Parte do grupo francês Societé Generale, um dos mais importantes grupos financeiros da Europa, e com 6.500 funcionários em todo o mundo, a ALD gerencia mais de 1,70 milhão de veículos.

No Brasil desde 2005, e terceiro maior player do mercado nacional, a ALD Automotive é reconhecida pelo seu pioneirismo, soluções inovadoras de mobilidade e responsabilidade socioambiental.

http://www.aldautomotive.com.br

 Leis de incentivo fiscal: Como investir melhor os impostos recolhidos

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.