Header Ads

Cidades paulistas registram mais de 100 mm em 24h

Depois de vários dias secos e ensolarados, uma mudança na circulação dos ventos em vários níveis da atmosfera favoreceu a formação de áreas de instabilidade sobre o estado de São Paulo durante o domingo, 29 de março.

        © jpg


POR AMANHECER DA NOTICIAS

As pancadas de chuva ocorreram por to do o estado e choveu forte em diversos locais. A chuva caiu forte também sobre a cidade de São Pauloe causou alagamento e transbordamento de córrego.



A chuva do último domingo de março de 2020 teve características de verão e foi provocada por áreas de instabilidade que se formaram com o calor, aumento da umidade do ar e a passagem de um cavado atmosférico, que é uma circulação de ventos horária em vários níveis da atmosfera.



Confira a previsão do tempo para SP



Nuvens carregadas sobre SP às 12h00 (Brasília) de 29/3/2020





Confira alguns volumes de chuva elevados acumulados em 24 horas de acordo com o CEMADEN - Centro Nacional de Monitoramento e Desastres Naturais. Os totais são entre 1h50 de 29/3/2020 até 1h50 de 30/3/2020



Ribeirão Preto: 115,4 mm

São José do Rio Preto: 115,0 mm

Araraquara: 101,0 mm

Cunha: 82,6 mm

Espírito Santo do Pinhal: 79,0 mm

Bananal: 73,8 mm

São José dos Campos: 73,6 mm

São Bento do Sapucaí: 73,4 mm

Rio Claro: 71,8 mm

Mais informações:

Assessoria de Comunicação da Climatempo

Votorantim promove iniciativas para combate aos efeitos do covid-19 e anuncia doação adicional de R$ 50 milhões

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.