Header Ads

Programa Somar alcança marca histórica de pacientes em tratamento com hormônio de crescimento

Serviços gratuitos especializados e acompanhamento periódico cada etapa do tratamento traz qualidade de vida para o paciente

      © jpg


POR AMANHECER DA NOTICIAS

O programa da Sandoz de orientação a pacientes diagnosticados com déficit de crescimento, o Somar, bateu recorde de pacientes em tratamento. O ciclo de 2019 foi encerrado com mais de 3 mil crianças e adolescentes sendo beneficiados pela iniciativa, um crescimento de 23% em relação ao ano anterior(1).

O objetivo do Programa Somar é dar suporte a famílias de crianças e adolescentes em tratamento com o hormônio de crescimento da Sandoz, o Omnitrope. São oferecidos serviços gratuitos especializados e um acompanhamento periódico durante toda a jornada do tratamento, facilitando e apoiando cada etapa do processo. Desse modo é possível assegurar o uso correto e seguro do medicamento, um produto biológico injetável, administrado através de uma caneta aplicadora de alta tecnologia -- uma inovação da Sandoz desenvolvida especificamente para pacientes em uso da medicação. A média de crescimento final de pacientes pediátricos com deficiência de GH em tratamento com Omnitrope é de 8,7cm(2).

O serviço especializado oferecido pelo Programa Somar é feito por enfermeiros capacitados e habilitados para dar orientações sobre o manuseio do produto. Os profissionais visitam os participantes do programa em casa em todo território nacional ou através de conferências via web, contato que facilita a compreensão de como é realizada a aplicação do hormônio de crescimento -- a ideia é dar autonomia da aplicação a todos os envolvidos, tanto pacientes como familiares. Esse contato próximo é o grande responsável pela marca atingida recentemente.


Informações sobre o déficit de crescimento

O crescimento é um fenômeno biológico com grande influência genética. No entanto, fatores do ambiente, como má alimentação, situações de estresse ou doenças podem influenciar o desenvolvimento das crianças.

Há também indivíduos que apresentam deficiência na produção do chamado “hormônio do crescimento”, que desempenha um papel central no crescimento dos ossos, músculos e tecidos(3). Quando o organismo não produz esse hormônio naturalmente, surge a necessidade de iniciar um tratamento medicamentoso, com injeções de hormônio do crescimento. O hormônio de crescimento recombinante ainda é aprovado para indicações onde a criança não cresce, apesar de não haver deficiência hormonal (síndromes genéticas e crianças com baixa estatura que nasceram pequenas para idade gestacional, entre outras), e também para adultos com deficiência de hormônio de crescimento(4).


Referências
1- Dados internos Sandoz Brasil
2- López-Siguero J, Pérez MVB, Balser S et al. Long-term safety and efficacy of the recombinant human growth hormone Omnitrope(R) in the treatment of Spanish growth hormone deficient children: results from a phase III study. Adv Ther 2011; 28(10):879-893
3- Kato Y et al. Intern Med 2002; 41:7-13;
4-Bula do produto Sandoz Omnitrope® (somatropina). Disponível em http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/frmVisualizarBula.asp?pNuTransacao=10386322015&pIdAnexo=2969099

Sobre a Sandoz
A Sandoz é uma líder global em medicamentos genéricos e biossimilares. Como divisão do Grupo Novartis, nosso propósito é descobrir novas maneiras de melhorar e prolongar a vida das pessoas. Contribuímos com a sociedade, apoiando crescentes necessidades de cuidados de saúde, por meio abordagens inovadoras para ajudar as pessoas em todo o mundo a terem acesso a medicamentos de alta qualidade. Nosso portfólio possui aproximadamente 1.000 moléculas, abrangendo todas as principais áreas terapêuticas. Em 2018, as vendas da companhia representaram US$ 9,9 bilhões e nossos produtos atingiram mais de 500 milhões de pacientes. A Sandoz está sediada em Holzkirchen, na região de Munique, na Alemanha. Para estas e mais informações, acesse www.sandoz.com.br.

Casos de câncer devem aumentar mais de 80% até 2040, alerta OMS

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.