Header Ads

Novembro Azul câncer de próstata.

O câncer de próstata, um dos maiores temores dos homens são as sequelas do tratamento, como a incontinência urinária e a disfunção erétil.

       © jpg


POR AMANHECER DA NOTICIA

O câncer de próstata é o tumor maligno com maior incidência entre os homens (35% dos casos de câncer masculino são na próstata) e o 2° em mortalidade. A prevenção ganhou força nos últimos anos, inclusive com maior procura por ajuda por parte dos homens. Essa modificação mudou o padrão de diagnóstico da doença. Na década de 80 e 90, a maioria dos tumores de próstata eram diagnosticados em fases avançadas, resultando apenas tratamentos hormonais e paliativos. Hoje, em virtude da maior prevenção, os tumores são descobertos em fase precoce, permitindo até mesmo vigilância da doença. Essa nova etapa de diagnóstico é fundamental não apenas para cura, mas também para preservação da qualidade de vida.

Em se tratando do câncer de próstata, um dos maiores temores dos homens são as sequelas do tratamento, como a incontinência urinária e a disfunção erétil. Felizmente o ganho tecnológico, associado à experiência do cirurgião, tem viabilizado resultados funcionais. Os pacientes operados com robô apresentam recuperação e reabilitação com maior precocidade. O Hospital Vera Cruz foi pioneiro neste quesito, sendo o primeiro hospital privado a instalar o Sistema Robótico Da Vinci em uma cidade não capital do País. As cirurgias iniciaram em dezembro de 2018 e dos mais de 200 procedimentos realizados até o momento, 60% foram de próstata.

Além do sistema robótico, existem outras técnicas novas no tratamento do câncer da próstata, como o HIFU® (ultrassom focal de alta intensidade). Desenvolvido em Lion, na França, este método controla a doença com mínimos riscos de procedimento e funcionais. Mas a indicação é restrita a um grupo especifico de portadores. Novidades estão a caminho como painéis genéticos, que possibilitarão um maior conhecimento da doença e sua agressividade a ponto de identificar qual a melhor combinação de terapias para cada paciente.

O Novembro Azul vem colaborar com nosso objetivo de melhorar a saúde masculina, lembrando que ir ao urologista com frequência facilita o diagnóstico precoce, mas não a prevenção. A prevenção das doenças prostáticas acontece no dia a dia, praticando exercícios físicos regularmente, não ganhando peso e evitando gorduras saturadas. Uma alimentação balanceada é fundamental.

Sobre o autor

Sandro Faria
Urologista que atende e opera em Campinas -- no Hospital Vera Cruz -- e em São Paulo, está entre os três médicos que mais recorrem à cirurgia robótica no Brasil. Tendo mais de 2 mil intervenções feitas com robô na carreira, realizadas em diversas partes do País, Dr. Sandro opera exclusivamente com a ferramenta desde 2010.


Em nome da maioria: o STF e a prisão em 2º grau

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.