Header Ads

Maior navio boiadeiro do mundo passa pelo Porto de São Sebastião e segue até a Turquia com quase 20 mil animais

Porto do Litoral Norte paulista é a única alternativa para criadores de gado de São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul transportarem gado no Sudeste brasileiro

        © jpg


POR AMANHECER DA NOTICIA

O maior navio boiadeiro do mundo, o Ocean Shearer, está atracado no Porto de São Sebastião para o carregamento de 8 mil cabeças de gado para engorda. No navio, já estão 13 mil animais vindos do Rio Grande do Sul, e o destino do gado é a Turquia. Com 189m por 33m e disposição para aproximadamente 22.500 animais, o navio tem capacidade total de 33 mil toneladas.

Em toda a região Sudeste do país, o Porto de São Sebastião é a única alternativa para os criadores de gado do Estado de SP, Sul de Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Norte do Paraná. Atualmente, apenas outros dois portos operam com gado vivo no Brasil: Barcarena, no Pará, e Rio Grande, no Rio Grande do Sul.

No ano passado, o Porto de São Sebastião transportou ao todo 150 mil cabeças de gado. O embarque de animais é realizado em conformidade com as normas estabelecidas pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento - MAPA. Os animais são transportados no modal rodoviário limitada a doze horas, desde o estabelecimento de pré-embarque até o Porto, onde são transferidos diretamente para o interior dos navios especializados no transporte deste tipo de carga. As embarcações para o transporte de animais são aprovadas por vários Órgãos Mundiais, sendo elas utilizadas na Europa, América do Norte e Oceania.



Atualmente, o Porto de São Sebastião é referência no embarque de animais bovinos vivos para exportação. Um mercado em expansão que encontra no Porto excelente estrutura para operações desta natureza.

Como utilizar o ENEM em universidades estrangeiras e dicas sobre o inglês

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.