Header Ads

Braskem promove mutirão de voluntariado com funcionários de Paulínia em Santo André

Funcionários da companhia revitalizaram a Escola Municipal Elaine Cena, no Jardim Santo Alberto

        © jpg


POR AMANHECER DA NOTICIA

No último sábado (19), funcionários da Braskem das unidades de Paulínia, Cubatão e Grande ABC e seus convidados se uniram para revitalizar espaços comuns da Escola Municipal Elaine Cena, em Santo André (SP). A ação faz parte do Programa de Voluntariado, um compromisso da Braskem com as comunidades do entorno das operações da empresa, visando contribuir com a qualidade de vida das regiões em que atua.

Flávio Chantre, gerente de Relações Institucionais da Braskem, explica que a atuação da companhia é baseada no desenvolvimento sustentável, e o envolvimento com as comunidades locais é parte fundamental desse processo. “Criamos o programa de voluntariado global em 2017, convidando os integrantes a formarem equipes para atuar em projetos sociais já existentes. O mutirão nasceu no ano passado como um desdobramento dessa ação, estimulando o impacto direto na região onde estamos inseridos”, afirma.

Localizada no entorno do Polo Petroquímico do Grande ABC, a Escola Elaine Cena Chaves Maia oferece educação Infantil e ensino fundamental a 830 alunos do bairro Jardim Santo Alberto e outros próximos. Elizabete Longarini, diretora da instituição, avalia a iniciativa como muito positiva, pois viabiliza a melhoria da estrutura da escola e beneficia os alunos. “Tivemos o prazer de sermos convidados para receber o trabalho voluntário do mutirão Braskem, que nos ajudou a desenhar um projeto onde optamos por dar maior ênfase em revitalizar o parque da escola, por ser um espaço onde os alunos são livres para serem crianças e podem aprender lições importantes de convívio e cooperação. O parque ficou lindo, superou nossas expectativas”, explica.

Completando quatro décadas de existência neste ano, a instituição é reconhecida pela formação de crianças da região, inserida em um complexo que possui também outros aparelhos públicos como creche, centro comunitário, uma praça e quadras abertas para a comunidade. O mutirão reuniu mais de 50 voluntários e promoveu a pintura da fachada externa, de bancos e mesas e desenhos lúdicos no chão, além da construção de brinquedos para o parquinho, feitos de bambu e PVC, e de bancos e pula-pula de pneus.

Para Chantre, a presença da Braskem na região é muito importante economicamente e pelas oportunidades de emprego, mas este tipo de trabalho voluntário é ainda mais relevante. “Nas nossas diretrizes do Programa de Voluntariado temos o macro objetivo do desenvolvimento humano, que foi exatamente o que fizemos neste último sábado. Ao revitalizarmos áreas da escola, estamos oferecendo aos alunos uma chance de estudarem em um local agradável e com infraestrutura mais completa, além de educarmos os participantes em importantes questões ambientais”, afirma.

O mutirão deste sábado faz parte da We Care Week que, por sua vez está inserida no Programa de Voluntariado da Braskem. Com o lema ‘uma companhia, uma semana, uma causa: economia circular’, a ação global será realizada entre os dias 19 a 27 de outubro no Brasil, México, Estados Unidos, Holanda e Alemanha, promovendo diversas ações de revitalização nas comunidades em que a companhia está inserida. Ao todo, estima-se que mais de 700 pessoas participem dos mutirões como voluntários.

Ao longo de 2019 já foram 2.089 voluntários que se dedicaram em mais de 22 mil horas de trabalho e realizaram 50 mil doações em 25 cidades dos quatro países em que a empresa possui operações industriais.

Para conhecer todas as ações acesse: http://voluntarios.braskem.com/

Sobre a Braskem
Os 8 mil Integrantes da Braskem se empenham todos os dias para melhorar a vida das pessoas por meio de soluções sustentáveis da química e do plástico, engajados na cadeia de valor para o fortalecimento da Economia Circular. Com 41 unidades industriais no Brasil, EUA, México e Alemanha e receita líquida de R$ 58 bilhões (US$ 15,8 bilhões), a Braskem possui produção anual de mais de 20 milhões de toneladas de resinas plásticas e produtos químicos e exporta para Clientes em aproximadamente 100 países.

Maior navio boiadeiro do mundo passa pelo Porto de São Sebastião e segue até a Turquia com quase 20 mil animais

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.