Header Ads

Primeira Feira Na Rosenbaum do ano celebra o Dia das Mães

Edição acontece no museu A Casa e terá mais de 40 marcas em exposição

© jpg


POR AMANHECER DA NOTICIAS

 A próxima edição da Feira na Rosenbaum, a Feira de Todas as Mães, quer discutir e celebrar tudo que nutre. O que alimenta novos diálogos e novas possibilidades para um mundo mais inclusivo e diverso. A Feira, enquanto iniciativa que fomenta o design independente brasileiro, desde sua criação se dedica a criar pontes também entre iniciativas diversas que apresentam, além de produtos, ensinamentos valiosos sobre as causas indígenas brasileiras (com Instituto Kabu, Origens Brasil, Instituto A Gente Transforma), dos imigrantes (com a ONG Migraflix) e demais histórias que formam o que a Feira chama de Alma Brasileira.

Nesta edição, além de uma curadoria de mais de 40 marcas que apresentam criações especiais para presentear e celebrar o dia das mães, a Feira recebe a Agência Popular Solano Trindade, uma agência popular de fomento à cultura que tem como objetivo garantir a viabilização financeira da produção artística da região de Campo Limpo e Capão Redondo, na Zona Sul de São Paulo. Para a sua abertura, a Feira na Rosenbaum receberá o coral dos índios Guarani Mbya, da aldeia Tenondé Porã. A Aldeia fica em Parelheiros, no extremo sul de São Paulo. O encontro acontecerá no A Casa - Museu do Objeto Brasileiro, que também será palco para uma instalação dos povos Guarani Mbya, convidando todos a conhecerem mais sobre as terras indígenas brasileiras e a luta desses povos pela conquista e manutenção dos seus direitos



Lista de Expositores

Jóias/Bijoux:

Marina Sheetikoff

Camila Sarpi

Montageart

Paula Marques

Ruby Yalloux

Thais Costa

Nin Jóias

Mercedes West

Renata Barcelos

Fina Oficina


Roupas:

Taty Takasse

OSS


Acessórios:

Patricia Catan

The FVL Project


Pijama:

Varal


Papelaria:

Schizzibooks


Cheiro:

Saboaria Brasil

Pavio de Vela

Oléa

Madame Nina

IYAMÏ


Arte:

M.o.a Estúdio

Cafuné Caliente


Mesa:

Estúdio Avelós

Eme Brasil

Suspiro Art

U!dress


Casa:

Paola Muller

Atelier Moretti

Renata McCartney

Fatto

Mercatto Casa


Cerâmica:

Greghi Design

Evelyn Tannus

Iaiá

Studio Pamelitas

Studio Marcel Cerâmicas

Paz! Design


Madeira:

O Designer Artesão

Casa na Árvore

Toco

Leonardo Sokolovicz

Maoli Manual


Comida:

Café Santa Mônica

Fler chocolate

Beeliving Mel


Feira na Rosenbaum - Dia das Mães

A Casa Museu do Objeto Brasileiro

Av. Pedroso de Morais, 1216 - Pinheiros, São Paulo - SP, 05420-001

De 08 a 11 de maio

Das 11h às 20h

Entrada Gratuita / Vallet no local


Café da manhã de abertura com Coral Guarani Mbya

Dia 08 de maio às 11h

+ Sobre Cristiane Rosenbaum

Cristiane Miranda Rosenbaum estudava direito quando teve os primeiros contatos com a moda trabalhando em lojas como Fórum, Zoomp e Carmin. Trancou a faculdade e começou a estudar moda, passando pela primeira turma de moda do SENAC e depois pela Saint Martin – University of the Arts London. De volta ao Brasil passou a trabalhar como assistente de estilo na marca Huis Clos. Como estilista e coordenadora de estilo colaborou com marcas como Atitude, Side Walk, Siberian, Arezzo e Naka. Em 2003 montou, junto da sócia Tatyana Takasse, a marca de roupas infantis Santa Paciência. Em 2012 organizou a primeira Feira no escritório de design Rosenbaum com 100% da renda revertida para o projeto A Gente Transforma, criado pelo designer Marcelo Rosenbaum. A Feira seguiu um caminho por esses 5 anos de história guiada pelo olhar da Cris, que foi organicamente encontrando a identidade e o lugar onde a Feira deveria estar. Hoje, Cris continua se dedicando a produzir a fazer a curadoria de expositores da Feira na Rosenbaum.

+ Sobre a Feira na Rosenbaum

A primeira edição da Feira na Rosenbaum aconteceu em um momento em que designers estavam começando a sair de grandes marcas e irem para seus próprios ateliês. A Feira cresceu junto com esses profissionais e com esse movimento independente de artistas e designers de levarem seus trabalhos para públicos para além de seus ateliês - muitas vezes localizados em suas casas.

A Feira, além da curadoria de expositores que busca trabalhos alinhados com o propósito de expor a alma brasileira, cria uma atmosfera multissensorial em cada edição, que inclui uma narrativa visual, sabores, música, cheiros e encontros em uma energia de casa, de acolhimento.

"A Feira na Rosenbaum tem uma curadoria forte. A primeira Feira que eu fiz achei muito interessante em expor os produtos de todos os artistas de forma 'misturada'. Era uma delícia! Eram muitas coisas novas e cada cantinho conversava os objetos entre si. Não era apenas o espaço: sempre existiu uma conexão entre os expositores e uma narrativa visual na Feira - a criação de uma atmosfera. Criamos uma rede entre os expositores, onde um dá apoio ao outro, cuida do espaço do outro. Uma energia muito boa, de fazer juntos". Cris Rosenbaum.Com informação de Sarah Santos.

 Campinas é foco de expansão para 5 franquias


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.