Header Ads

Abertura de MEIs tem alto crescimento nos estados .

Segundo dados levantados pela MEI Fácil ,foram abertos mais de 2 milhões de microempreendedores individuais em 2018 com destaque para São Paulo e Rio de Janeiro.

© Reprodução


POR AMANHECER DA NOTICIAS

O número de microempreendedores individuais tem apresentado um crescimento impressionante no Brasil nos últimos anos. Segundo levantamento da MEI Fácil, plataforma digital para quem já é ou quer se tornar um microempreendedor individual, em 2018 houve crescimento de 18% na abertura de CNPJs no Brasil, somando 2 milhões de cadastros feitos, um recorde por setor. A pesquisa ainda destaca as aberturas por região, o que auxilia ainda mais a análise dessa alta e seus focos de destaque.

Muito do aumento se explica por conta da aceleração que aconteceu de julho até dezembro do ano passado: foram realizados mais de 1.018 milhões de novos cadastros, 21% mais que os quase 843 mil no segundo semestre de 2017. O crescimento revela um movimento consistente de negócios buscando formalização e os benefícios que um CNPJ MEI trazem. São Paulo e Rio de Janeiro se destacam como os locais com maior número de novos CNPJs: em dois anos foram abertos 1,41 milhão de MEIs nesses estados, totalizando 38% das aberturas no País.

"Os benefícios do MEI atraem muitos empreendedores que querem alavancar seus negócios de forma assertiva, econômica e sem burocracias. Contribuir para o INSS de forma mais fácil e maior chance de obter empréstimos são outros pontos muito procurados. Somado a isso, podemos entender também que o não crescimento econômico recente tem feito com que diversos pequenos negócios encontrem saída na formalização, mediante a necessidade de novos perfis e investimentos", comenta Rodrigo Salem, sócio-fundador da MEI Fácil.

Aberturas nos Estados

O Estado de São Paulo chama atenção não apenas pelo seu crescimento absoluto, como citado acima, com mais de 290 mil mais MEIs, mas também em percentual. Foi o quarto estado que mais cresceu, 29% acima.

Minas Gerais também é destaque no crescimento no número de formalizações em 2018, comparado com 2017. O estado formalizou 191 mil microempreendedores em 2018, um crescimento de 103% versus 2017, o maior entre todos os estados da federação. Os setores de atividade com maior representatividade no estado são comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios, além do setor de beleza..

Outros estados que apresentaram crescimento expressivo de crescimento foram: Amazônia, com alta de 78%; Distrito Federal, com 32%; Paraná, com 28% e Pernambuco, com 26%.

Ao lado do Mato Grosso, o Amapá foi o Estado com maior redução no número de aberturas de novos MEIs, tendo apenas 6.100 novos microempreendedores, 40% menos em relação ao ano anterior. O Mato Grosso (com queda de também -40%), no entanto, pode ser avaliado como um caso à parte. O estado foi o terceiro que mais abriu MEIs em 2017 (com 132 mil novos CNPJs) e também teve um primeiro semestre em 2018 forte (com 64 mil aberturas). A redução, portanto, é mais fruto de um 2017 forte e relativa desaceleração no segundo semestre de 2018.

Sobre a MEI Fácil 

A MEI Fácil foi fundada em janeiro de 2017 com o objetivo de ser a grande parceira do microempreendedor individual. A empresa já atende mais de 500 mil empreendedores e oferece auxílio em processos como a obtenção de CNPJ, notas fiscais, além de serviços financeiros simplificados e de baixo custo. Ela foi recentemente premiada pela Universidade de Columbia, nos EUA, como referência global em negócios de impacto, primeira vez que uma startup da América Latina ganha o prêmio.Com informação de Gabriel Proiete de Souza.

 DER iniciou nesta segunda (25) fiscalização de peso na SP 055 em São Sebastião.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.